quinta-feira, 15 de agosto de 2013

Um problema chamado ejaculação precoce - parte 2 Autor(a): Pr. Josué Gonçalves

- Segunda fase -
O objetivo desta fase é  fazer com que o marido aprenda a reconhecer a sensação física que antecede imediatamente a ejaculação, para poder comunicar à esposa a hora exata de aplicar a pressão.
Durante essa sessão, é de suma importância que o marido concentre-se completamente em suas próprias sensações.  Ele deve impedir que qualquer outro pensamento cruze sua mente, para conseguir determinar com precisão a sensação que precede imediatamente a ejaculação. Pode ser mais fácil se ele fechar os olhos. Assim que ele sentir que está chegando ao ponto de ejacular, precisa avisar a esposa, por meio de alguma palavra ou sinal predeterminado. Ela, então, usará prontamente a técnica da compressão. Essa fase deve ser repetida durante as sessões práticas diárias, até que o marido passe a reconhecer continuamente a sensação que ocorre logo antes da ejaculação.
1)  A esposa deve sentar-se com as costas apoiadas contra a cabeceira da cama, com as pernas confortavelmente separadas.
2)  O marido deve deitar-se de costas com a cabeça voltada em  direção aos pés da cama.
3)  O marido deve colocar seu quadril entre as pernas da esposa e seu órgão genital perto do dela. Com os joelhos flexionados, ele colocará as plantas dos pés ao lado das coxas da esposa, por fora (perto das nádegas).
4)    A esposa então acaricia amorosamente e carinhosamente os genitais do marido, prestando atenção especial à parte de baixo ou à cabeça do pênis, ou a qualquer outra parte que o marido especifique, para ajudá-lo a obter uma ereção.
5)    Assim que o marido chegar a uma ereção total , a esposa começa a técnica da compressão. Ela coloca o polegar na parte debaixo do pênis, cerca de 1,5 centímetros abaixo da abertura, bem onde a aste do pênis termina e a cabeça começa. A seguir, ela coloca o indicador e o dedo médio da mesma mão no lado oposto do pênis, com um dedo acima e outro abaixo do sulco que separa a cabeça da haste.
6)    A seguir, ela pressiona o polegar contra os dois dedos,   com bastante força, por cerca de quatro segundos.
7)    Após esse tempo, ela rapidamente afrouxa a pressão.
8)    Deixando passar de quinze a trinta segundos, ela novamente leva o marido a uma ereção completa e repete a aplicação da compressão. O esposo deve informar à mulher, por meio de uma palavra ou sinais sutis, quando ele sentir que ela precisa repetir a pressão para adiar o orgasmo dele.
9)    Repetir estes passos a cada quatro ou cinco minutos durante toda a sessão de vinte minutos.
10)   O marido pode preferir que uma geléia lubrificante seja aplicada ao pênis, para simular mais exatamente as sensações que sente durante a relação sexual.
11)    Não ter relação sexual ou inserir o pênis na vagina.
12)   Ao final da sessão, a estimulação deve continuar até a ejaculação.
13)   É desejável que o marido estimule manualmente o clitóris da esposa para proporcionar-lhe alívio sexual após cada sessão de treinamento.
- Terceira fase -
O objetivo desta fase é fazer com que o pênis ereto possa permanecer quase imóvel na vagina por quinze a vinte minutos antes da ejaculação.
1)    O marido deita-se de costas e a esposa o estimula até chegar à ereção.
2)  Quando ele sente que está chegando ao ponto de ejaculação deve, avisar à esposa, que, então, usa prontamente a técnica da compressão.
3)    Ela deve repetir a estimulação até o marido quase chegar à ejaculação, e então comprimir-lhe o pênis. Isso deve ser feito diversas vezes.
4)    Então, a esposa coloca-se por cima do marido, como se fosse sentar-se. Inclinando-se para a frente, num ângulo  de cerca de 45% graus, ela, muito delicada e lentamente, insere o pênis ereto na vagina bem lubrificada, e a seguir move-se comfortavelmente para trás,  sobre o pênis, não apenas sentando-se sobre ele.
5)     Ela permanece imóvel, dando ao marido a oportunidade de controlar-se. Se o marido perder a ereção enquanto o pênis está na vagina, a esposa deve levantar o corpo e uma vez mais estimulá-lo até chegar à ereção.
6)    Se o marido perceber que está chegando ao ponto de ejacular, deve indicar isso à esposa, para que ela possa erguer o corpo e repetir a aplicação de pressão. A seguir, ela delicadamente reintroduz o pênis.
7)     Marido e mulher devem conseguir manter essa posição, com o pênis ereto quase imóvel dentro da vagina por quinze a vinte minutos antes da ejaculação.


Continue lendo...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.